01:34 27 Fevereiro 2020
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    5100
    Nos siga no

    A organização Health&Help, fundada por uma médica russa, Viktoria Valikova, pretende abrir sua segunda clínica na América Latina, desta vez, em uma aldeia de pescadores da Nicarágua. A Sputnik Mundo falou com a médica para saber os detalhes do projeto voluntário.

    A organização Health&Help, fundada por uma médica russa, Viktoria Valikova, pretende abrir sua segunda clínica na América Latina, desta vez, em uma aldeia de pescadores da Nicarágua. A Sputnik Mundo falou com a médica para saber os detalhes do projeto voluntário.

    Health&Help é uma organização sem fins lucrativos que ajuda pessoas mais pobres do planeta. Os voluntários deste projeto abriram uma clínica no remoto povoado guatemalteco de Chuinahtahuyup, dando a 15 mil pessoas a oportunidade de receber assistência médica.

    A fama da organização chegou a outras povoações latino-americanas.Segundo disse à Sputnik Mundo Viktoria Valikova, a ideia de abrir uma clínica na Nicarágua veio dos próprios nicaraguenses que souberam do projeto e propuseram um lugar onde não há assistência médica.

    Trata-se da aldeia de pescadores El Rosario da região costeira do país onde pessoas vivem em completo estado de pobreza e enfrentam doenças tais como malária, dengue, zika e outras infeções tropicais, explica a médica russa.

    O povoado não conta com água e eletricidade. Como é impossível manter uma clínica sem esses recursos, a opção mais econômica e ecológica foi instalar painéis solares, um poço com uma bomba de água e um depósito para água potável. 

    A organização já recebeu o terreno para instalação do posto de saúde na aldeia.

    Como no projeto anterior, o centro médico será construído pelos voluntários e locais, supervisados pelos arquitetos da Health&Help.

    Os voluntários esperam que o novo projeto tenha o mesmo sucesso que o anterior, na Guatemala, onde a clínica presta assistência a todos que precisem.

    "Nossa conquista principal é que a clínica funcione bem e seja estável: temos todos os medicamentos necessários, abrimos programas para crianças desnutridas, os de contraceptivos, assim como de diabetes mellitus. Cuidamos das mulheres grávidas e de pacientes com doenças crônicas", contou a especialista à Sputnik Mundo.

    A clínica oferece também outras oportunidades para os locais, nomeadamente, deu uma bolsa de estudos para uma menina local de uma família de 13 filhos.

    A médica russa afirma que a Health&Help não planeja se limitar apenas à construção de clínicas.

    "O objetivo da Health&Help é assegurar assistência médica básica em lugares com recursos limitados, esforçando-nos para melhorar ao menos um pouco a vida da maior quantidade possível de pessoas", afirma a inspiradora do projeto.

    Mais:

    Preço do petróleo já não 'governa' rublo russo e moedas da América Latina
    Gigante de energia da Rússia tem planos de crescer no Brasil e na América Latina
    Para chancelaria russa, América Latina deixou de ser 'quintal' estadunidense
    Tags:
    voluntários, assistência, médicos, ajuda, Health&Help, Guatemala, Nicarágua, América Latina, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar