11:59 19 Novembro 2017
Ouvir Rádio
    Lilian Tintori, esposa de Leopoldo López, durante comício no município de Chacao, em 10 de setembro

    Opositora de Maduro é impedida de deixar a Venezuela

    © AP Photo/ Fernando Llano
    Américas
    URL curta
    3086473

    A ativista Lilian Tintori, opositora do presidente Nicolás Maduro, foi impedida de deixar a Venezuela neste sábado (2) para encontrar-se com líderes europeus e teve seu passaporte retido.

    Lilian tinha uma agenda prevista com o premiê da Espanha, Mariano Rajoy, a primeira-ministra britânica, Theresa May, o presidente da França, Emmanuel Macron, e a chanceler alemã, Angela Merkel.

    A justificativa apresentada pelas autoridades é uma investigação aberta contra Lilian para apurar 200 milhões de bolívares, cerca de US$ 10,8 mil dólares, que foram encontrados em seu carro. Ela afirma que o dinheiro seria utilizada para pagar despesas médicas de sua mãe

    "A ditadura me proibiu de sair do país para que eu não denuncie ao mundo a crise que estamos vivendo", afirmou Lilian.

    Lilian é casada com Leopoldo López, político condenado a cerca de 14 anos de prisão em 2014 por incitar protestos. López hoje cumpre prisão domiciliar após três anos e meio em cárcere domiciliar.

    "Eu estava pronta para falar que há violações dos direitos humanos na Venezuela, que isto é uma ditadura, que existem 590 presos políticos e 53% dos nossos milhos estão desnutridos."

    A ativisita diz que a agenda de encontros está mantida, mas com outros representantes venezuelanos.

    Mais:

    Em meio a crise econômica, Venezuela oferece US$5 mi para vítimas do Harvey
    Rússia considera 'inadmissíveis' as sanções unilaterais dos EUA contra Venezuela
    Evo Morales: EUA executam golpe financeiro contra Venezuela
    Após ameaça e sanções dos EUA, Venezuela realiza exercícios militares
    Venezuela procurará melhores relações e mais apoio da China e Rússia
    Tags:
    Emmanuel Macron, Lilian Tintori, Leopoldo López, Mariano Rajoy, Nicolás Maduro, Angela Merkel
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik