00:33 25 Maio 2018
Ouvir Rádio
    Um grupo de lançadores múltiplos de foguetes M-1985 do Exército Popular da Coreia é visto durante desfile militar em finais de abril em Pyongyang

    EUA pedem apoio a Moscou para enfrentar Coreia do Norte

    © Sputnik / Ilia Pitalev
    Américas
    URL curta
    34617

    Os Estados Unidos estão pedindo ajuda à Rússia para fazer frente à ameaça de segurança que a Coreia do Norte representa, disse o secretário de Estado Rex Tillerson, falando perante o Congresso.

    "A Coreia do Norte está entre os nossos principais temas de conversa com o ministro das Relações Exteriores [da Rússia, Sergei] Lavrov, e diretamente com o presidente da Rússia, [Vladimir] Putin", disse Tillerson, que acrescentou que os EUA "estão pedindo a sua colaboração".

    O secretário de Estado acrescentou que Washington busca "mais apoio" da parte de Moscou e ressaltou que o recente voto da Rússia no Conselho de Segurança das Nações Unidas a favor de aplicar sanções adicionais à Coreia do Norte mostra uma mudança positiva nesse sentido.

    A Coreia do Norte, apesar das sanções impostas pelo Conselho de Segurança da ONU, continua testando mísseis sob pretexto da ameaça norte-americana. Os mísseis lançados por Pyongyang atingiram por diversas vezes a zona econômica exclusiva do Japão, apenas a alguns quilômetros da costa do país.

    A série de testes realizados por Pyongyang voltou a aumentar as tensões na região, tanto que o governo chinês voltou a pedir que os norte-coreanos, seus aliados históricos, parem com o que chamou de "provocações".

    Mais:

    Tweet de Trump de 5 meses atrás faz Coreia do Norte ameaçar ataque a Nova York
    Especialista: Coreia do Norte caminha para um novo teste de mísseis a cada 2,1 semanas
    O que falta para Coreia do Norte ter um míssil intercontinental? Especialista responde
    Tags:
    segurança nacional, ameaça, cooperação bilateral, Rex Tillerson, Rússia, EUA, Coreia do Norte
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik