17:43 19 Agosto 2017
Ouvir Rádio
    Fórum internacional Cubagua 2017 em Havana, Cuba

    Tecnologia russa de dessalinização de água do mar conquista mercado cubano

    © Sputnik/ Víctor Sujov
    Américas
    URL curta
    61495180

    O problema dos recursos hídricos, ligado a mudanças climáticas, é o tema principal do Fórum internacional Cubagua 2017, realizado entre os dias 21 e 24 de março em Havana no centro de exposição de Pabexpo.

    Mais de 60 empresas de 20 países, cuja atividade está ligada aos recursos hídricos, estão participando do evento. A Rússia está sendo representada por uma empresa. No entanto, sua tecnologia de dessalinização de água do mar pode interessar muitas empresas cubanas que são responsáveis pelo fornecimento de água potável à população. A Sputnik Mundo falou com Karen Chaglasyan, diretor da consultoria Cubacon, empresa especializada na cooperação financeira russo-cubana:

    "Estamos realizando uma série de projetos. Um deles é dessalinização de água do mar. Atualmente, apresentamos na exibição a tecnologia russa, tecnologia surpreendente, que possui grande popularidade hoje em dia. Os ministros cubanos visitaram nosso mostruário, que também chamou a atenção de várias empresas."

    O homem de negócios russo acrescentou que a empresa de consultoria Cubacon também pode oferecer outros projetos russos interessantes para os cubanos, pois a empresa é muito popular no mercado do país e já vem trabalhando há um ano e meio no país. Quanto à concorrência com outras empresas que também trabalham nessa região e participam do Fórum internacional Cubagua 2017, por exemplo, da Espanha e da China, ele destacou:

    "Há muitas empresas que atuam na mesma área, incluindo chinesas, aqui. Mas nossas tecnologias são tão exclusivas que me permite dizer que não há concorrência alguma. […] Estamos em um nível completamente diferente, temos outra tecnologia de osmose inversa de dessalinização de água do mar e nosso equipamento é mais compacto."

    Entretanto, ele destacou um detalhe muito importante da tecnologia utilizada: "Nossa construção, provavelmente não seja um segredo, é usada nos navios militares da frota russa. Ela, na verdade é única, compacta, sua capacidade de produção é alta etc."

    Ao mesmo tempo, Juan Triano Cordovisa, doutor em ciências econômicas, professor do Centro de Estudos de Economia Cubana e consultor da empresa Cubacon, adicionou em entrevista à Sputnik Mundo:

    "Vale acrescentar que além do Fórum Cubagua 2017, nesses dias, Havana também recebe a convenção internacional de recursos hídricos que será realizada para combinar pesquisas cientificas, negócios e novas tecnologias de reserva de água — o ouro azul do planeta."

    Mais:

    Rússia deseja fortificar relações com Cuba através de fornecimento de petróleo
    Japão pretende lançar seu primeiro satélite em 2020 para procurar água e areia em Marte
    China pretende usar água do lago Baikal para irrigar regiões atingidas pela seca
    São descobertas novas evidências de existência de água em Marte
    Tags:
    água potavel, mudanças climáticas, fórum, empresa, mercado, tecnologia, recursos hídricos, Espanha, Havana, Cuba, China, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik