17:42 19 Agosto 2017
Ouvir Rádio
    Ivanka Trump passeia na passarela durante o último dia da Convenção Republicana em Cleveland, Ohio, EUA, 21 de julho de 2016

    Quão influente será Ivanka Trump na Casa Branca?

    © AP Photo/ Evan Vucci
    Américas
    URL curta
    861322

    A opinião da filha do presidente norte-americano é de grande importância para o líder dos EUA. É sabido que Ivanka Trump sentará em uma das cadeiras da Casa Branca e aconselhará seu pai em um leque de questões, comunica o jornal Politico.

    Ivanka Trump sempre chamou atenção do público. Com apenas 35 anos de idade, a filha do presidente dos EUA é uma empreendedora de sucesso, dona de um currículo de fazer inveja.

    "Não são habituais nos EUA acusações de nepotismo contra políticos, pois toda a elite política é construída no princípio de clã e dinastia […] Trump tem todo o direito de nomear qualquer pessoa ao cargo de conselheiro caso não viole a lei e não esteja ligado à corrupção", acrescentou à Sputnik Japão o redator-chefe do jornal Rússia na Política Global, Fyodor Lukyanov.

    Ivanka Trump desempenhou função-chave na campanha pré-eleitoral de Trump. Segundo Lukyanov, Trump pede ajuda para sua filha, pois se encontra rodeado de pessoas desconfiáveis.

    "Trump, como um verdadeiro empreendedor privado, prefere estar rodeado de pessoas próximas a ele, em quem ele confia não somente pelo trabalho, mas pelos laços familiares. Ivanka Trump é uma mulher muito viva e ativa, possuidora de sua própria posição e capaz de se comportar perante o público", acrescentou ele, adiantando que há grandes chances de ela ocupar o cargo de "primeira-dama" ao invés de Melania, quem se recusou se mudar para Washington.

    Tudo indica que Ivanka não desaprova assumir papel de primeira-dama, chefiando eventos oficiais e reuniões com chefes de governos. Inesperadamente, Ivanka participou de reuniões com Shinzo Abe e Angela Merkel e moderou fortes declarações públicas de Trump.

    ​Vale ressaltar que, durante a campanha pré-eleitoral, Trump declarou não ser adepto do Acordo de Paris sobre a Mudança do Clima e prometeu rever o papel dos EUA quanto ao assunto, mas foi Ivanka quem o convenceu a não fazê-lo, o que foi notado pelo The Wall Street Journal. Após isso, Trump a elogiou em seu Twitter. 

    Em vários países há exemplos quando filhas de políticos continuam os negócios dos pais. 

    ​Vale ressaltar que Marine Le Pen que é filha de Jean-Marie Le Pen, o fundador deste movimento político. Marine conseguiu aumentar a influência do partido do pai transformando-o em um poder político mais sério através da alteração do discurso político da Frente Nacional. 

    Histórias semelhantes podem ser encontradas no Oriente. No poder da Coreia do Sul e do Norte estão representantes de dinastias políticas. Kim Jong-um – da Coreia do Norte – é filho de Kim Il-sung e Park Geun-hye – da Coreia do Sul (agora afastada por causa do impeachment) – é filha do ex-presidente Park Chung-hee. 

    Mais:

    Olhada de Merkel para Ivanka Trump vira novo meme nas redes
    Guerra de loiras: Scarlett Johansson 'ataca' Ivanka Trump (VÍDEO)
    Tags:
    nepotismo, atenção, filha, público, primeira-dama, reuniões, presidente, política, Casa Branca, Ivanka Trump, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik