06:18 21 Outubro 2021
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    2101
    Nos siga no

    O regime do presidente dos EUA, Barack Obama, poderá fazer parte da história como regime que criou mais um poderoso grupo terrorista – Frente al-Nusra (proibido na Rússia e em vários outros países).

    A declaração foi feita pelo chefe do Comitê de Assuntos Internacionais da Duma de Estado da Rússia (câmara baixa do parlamento russo), Leonid Slutsky.

    "Infelizmente, como o regime de Reagan, criador do Al-Qaeda no Afeganistão, que apoiam os jihadistas, e o regime de Bush que fundou o Daesh (ambos os grupos terroristas são proibidos na Rússia), que destruíram o poder governamental neste país… da mesma forma, estou preocupado que o regime de Barack Obama entre para a história como fundador de mais um grupo terrorista poderoso – Frente al-Nusra", explicou Slutsky aos jornalistas.

    O parlamentar russo acredita ter sido "estranho o pedido dos EUA à Rússia para não bombardear territórios onde se instalou a Frente al-Nusra", considerada um braço da Al-Qaeda.

    Na opinião de Slutsky, isso apenas indica que "a parte americana está protegendo a Frente al-Nusra" para depois usá-la na "queda do regime do presidente sírio, Bashar Assad".

    Mais:

    Assad: 'Exército Livre da Síria é igual ao Daesh e à Frente al-Nusra'
    Atitude de Washington sobre Frente al-Nusra levanta sérias suspeitas - Lavrov
    Tags:
    EUA, Barack Obama, Ronald Reagan, George W. Bush, Leonid Slutsky, Bashar Assad, Frente al-Nusra, Duma de Estado, Al-Qaeda, Daesh, grupo terrorista, regime, fundador, parlamentar
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar