21:54 07 Dezembro 2019
Ouvir Rádio
    Bandeira nacional de Cuba em Havana

    EUA farão tudo o possível para evitar presença militar russa em Cuba?

    © flickr.com / Chris Pawluk
    Américas
    URL curta
    1336
    Nos siga no

    O jornalista e especialista russo em questões da América Latina Mikhail Belyat, que é professor na Universidade Estatal Russa de Humanidades, acha pouco provável que a presença militar russa em Cuba seja restabelecida, disse ele à agência Sputnik Mundo.

    Segundo ele, "a Rússia se lembra bem das consequências da Crise do Caribe em 1962 e ninguém quer que essa situação se repita, pois então o mundo poderá ficar à beira de uma guerra nuclear".

    Ao mesmo tempo Belyat tem a certeza de que, "caso sejam feitas tentativas de instalar infraestruturas militares em Cuba", os EUA farão o possível para impedir isso.

    Ele ressalta que "em primeiro lugar os EUA usam alavancas políticas de pressão que poderão se transformar em medidas muito mais severas".

    Na opinião do especialista, o governo cubano tem a mesma visão do problema, pois neste caso Cuba poderá se transformar e um "campo de batalha" entre a Rússia e os EUA.

    Belyat conclui que atualmente a região do Oriente Médio é o ponto mais "quente" e é fundamental se focar neste assunto.

    Em 7 de outubro o vice-ministro da Defesa russo, Nikolai Pankov anunciou que o Ministério da Defesa da Rússia está analisando a questão de reabertura de bases militares em Cuba e no Vietnã.

    A União Soviética possuía bases em Cuba e no Vietnã até 2002. No Vietnã, a base da Marinha russa ficava em Kamrani. Em Cuba, o país operava um centro radioeletrônico em Lourdes no período entre 1967 e 2001.

    Em fevereiro de 2014 o ministro da Defesa russo Sergei Shoigu anunciou que a Rússia poderia criar várias bases no estrangeiro nos países como Vietnã, Cuba, Venezuela, Nicarágua e Singapura.

    Mais:

    EUA multam empresas por violar bloqueio à Cuba
    Empresa de Trump violou embargo comercial dos EUA contra Cuba
    Tags:
    guerra nuclear, infraestrutura, bases militares, Marinha da Rússia, Mikhail Belyat, Sergei Shoigu, União Soviética, Singapura, Venezuela, Vietnã, Oriente Médio, EUA, Rússia, Cuba
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar