10:08 17 Dezembro 2017
Ouvir Rádio
    Polícia bloqueia estrada perto do lugar da explosão, Nova York, 17 de setembro de 2016

    Prefeito de Nova York: não há provas de que explosão tenha sido ato de terrorismo

    © AFP 2017/ Bryan R. Smith
    Américas
    URL curta
    842

    Na noite de 17 de setembro a cidade de Nova York foi sacudida por uma explosão em Manhattan, no bairro de Chelsea.

    ​Segundo a polícia da cidade, a explosão ocorreu em um caixote do lixo.

    ​A polícia de Nova York encontrou um segundo engenho explosivo, que depois foi identificado como uma panela de pressão.

    ​​Na sequência da explosão ficaram feridas 29 pessoas, um delas se encontra em estado grave.

    ​O prefeito da cidade, Bill de Blasio, disse que ainda não foi confirmada a informação de que a explosão teria sido um atentado terrorista.

    Mais cedo no sábado, no estado de Nova Jersey, antes de uma corrida filantrópica, ocorreu outra explosão de uma bomba caseira, após a explosão foram encontrados vários explosivos que não chegaram a detonar e que foram posteriormente desativados.

    Mais:

    Explosão em edifício deixa mais de 20 feridos na França
    Explosão e tiroteio em Universidade dos EUA em Cabul
    Explosão em pleno casamento na Turquia leva vida de 30 pessoas
    Explosão deixa mortos e feridos na Turquia
    Tags:
    vítimas, explosão, EUA, Manhattan, Nova York
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik