Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Israel lança ataques aéreos em Gaza após ameaças da Jihad Islâmica na Palestina (VÍDEO, FOTOS)

© AFP 2022 / Mohammed AbedEquipes de resgate e bombeiros apagam incêndio em meio a destruição após ataque aéreo israelense em Gaza, em 5 de agosto de 2022
Equipes de resgate e bombeiros apagam incêndio em meio a destruição após ataque aéreo israelense em Gaza, em 5 de agosto de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 05.08.2022
Nos siga noTelegram
De acordo com as Forças de Defesa de Israel, uma situação especial foi declarada na frente doméstica do país através da Operação Amanhecer.
Israel lançou ataques aéreos na Faixa de Gaza em resposta às "ameaças representadas pela Jihad Islâmica na Palestina", anunciou as Forças de Defesa de Israel nesta sexta-feira (5).
De acordo com o The Times of Israel, o grupo terrorista ameaça desde terça-feira (2) atacar em resposta à prisão de seu líder na Cisjordânia, causando dias de fechamento de estradas e bloqueios comunitários em áreas próximas à fronteira sob ameaça imediata.
Após as ameaças diretas feitas pela Jihad Islâmica Palestina em Gaza, as FDI estão atualmente atacando na Faixa de Gaza. Uma situação especial foi declarada na frente doméstica israelense. Detalhes para seguir.
Relatos da mídia palestina disseram que as FDI atingiram um apartamento em um prédio de sete andares no norte de Gaza e outros locais na faixa. Fotos e vídeos surgiram nas redes sociais, mostrando uma nuvem de fumaça subindo acima de um prédio residencial.
Ainda segundo a mídia, o sistema Cúpula de Ferro foi ativado em território israelense devido aos riscos de ataques com mísseis de Gaza. Abrigos antibombas foram abertos em todas as cidades do sul de Israel.
Isso ocorre depois que, no início desta semana, Israel impôs restrições de tráfego ao longo da fronteira com a Faixa de Gaza em meio a preocupações com um possível ataque do grupo terrorista Jihad Islâmico Palestino.
O grupo da Jihad Islâmica na Palestina confirmou a morte de um dos seus comandantes no bombardeio israelense na Faixa de Gaza. O líder do movimento, Ziyad al-Nakhalah, apelou para se preparar para o contra-ataque.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала