Pessoas usando máscaras de proteção caminham por rua em Paris, França, 27 de maio de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Sociedade e cotidiano
As principais notícias, reportagens e artigos sobre sociedade e a rotina cotidiana.

Hubble flagra grandiosa galáxia espiral formadora de estrelas (FOTO)

© Foto / ESA/Hubble & NASA, ESO, R. J. Foley Agradecimento: R. ColombariA galáxia espiral NGC 3318, também conhecida como AGC 27358, ESO 317-52 e IRAS 10350-4122, está localizada a 115 milhões de anos-luz na constelação da Vela
A galáxia espiral NGC 3318, também conhecida como AGC 27358, ESO 317-52 e IRAS 10350-4122, está localizada a 115 milhões de anos-luz na constelação da Vela - Sputnik Brasil, 1920, 30.05.2022
Nos siga noTelegram
O Telescópio Espacial Hubble flagrou a grandiosa galáxia espiral NGC 3631, localizada a aproximadamente 53 milhões de anos-luz da Terra, na constelação da Ursa Maior.
A gigantesca galáxia também é conhecida como Arp 27, LEDA 34767 E UGC 6360, tem um diâmetro de aproximadamente 60 mil anos-luz.
De acordo com os astrônomos, os braços da galáxia espiral parecem estar girando em torno de seu núcleo, além disso, uma análise revelou pistas de poeira escura e regiões brilhantes de formação de estrela ao longo da parte interna dos braços espirais.
© Foto / NASA, ESA, A. Filippenko (Universidade da Califórnia - Berkeley), e D. Sand (Universidade do Arizona); Processamento da imagem: G. Kober (NASA Goddard/Universidade Católica da América)O Telescópio Espacial Hubble flagrou a grandiosa galáxia espiral NGC 3631, localizada a aproximadamente 53 milhões de anos-luz da Terra, na constelação da Ursa Maior
O Telescópio Espacial Hubble flagrou a grandiosa galáxia espiral NGC 3631, localizada a aproximadamente 53 milhões de anos-luz da Terra, na constelação da Ursa Maior - Sputnik Brasil, 1920, 30.05.2022
O Telescópio Espacial Hubble flagrou a grandiosa galáxia espiral NGC 3631, localizada a aproximadamente 53 milhões de anos-luz da Terra, na constelação da Ursa Maior
Os especialistas também afirmam que esta formação de estrelas é semelhante ao movimento dos carros em um congestionamento, concentrando gás e poeira em seu interior e criando novas estrelas.
Esta galáxia foi descoberta em 14 de abril de 1789 pelo astrônomo britânico nascido na Alemanha William Herschel.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала