- Sputnik Brasil, 1920
Notícias do Brasil
Notícias sobre política, economia e sociedade do Brasil. Entrevistas e análises de especialistas sobre assuntos que importam ao país.

Chuvas em Pernambuco: número de mortes sobe para 84 e 14 municípios decretam emergência

© Folhapress / Genival Paparazzi/Onzex PressEquipes de resgate trabalham em local de deslizamento de barreiras em meio às chuvas no Recife, Pernambuco, 28 de maio de 2022
Equipes de resgate trabalham em local de deslizamento de barreiras em meio às chuvas no Recife, Pernambuco, 28 de maio de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 29.05.2022
Nos siga noTelegram
Neste domingo (29), o número de mortes em meio às chuvas em Pernambuco subiu para 84, segundo disse o governador do estado, Paulo Câmara (PSB), em entrevista coletiva. O governo pernambucano anunciou a liberação de R$ 100 milhões para os municípios afetados.
Conforme publicou o portal G1, os recursos liberados pelo governo do estado devem ser usados nas buscas, obras urgentes e infraestrutura.
Do total de óbitos divulgados, 79 mortes ocorreram desde a sexta-feira (27). As outras cinco vítimas faleceram anteriormente, a partir da quarta-feira (25). Segundo o governador, as buscas estão concentradas em 12 pontos entre a Região Metropolitana do Recife e a Zona da Mata.
© Folhapress / Mateus Lacerda / PhotopressCidadãos caminham em rua alagada em Recife, Pernambuco, 28 de maio de 2022
Cidadãos caminham em rua alagada em Recife, Pernambuco, 28 de maio de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 29.05.2022
Cidadãos caminham em rua alagada em Recife, Pernambuco, 28 de maio de 2022
Diante das fortes chuvas, além da capital, Recife, os municípios de Cabo de Santo Agostinho, Camaragibe, Jaboatão dos Guararapes, Goiana, Macaparana, Moreno, Nazaré, Olinda, Paudalho, Paulista, São José da Coroa Grande, São Vicente Ferrer e Timbaúba decretaram situação de emergência.
Os decretos de emergência têm também o objetivo de garantir acesso a recursos federais. O ministro do Desenvolvimento Regional, Daniel Ferreira, afirmou mais cedo que equipes federais permaneceriam no estado para esse fim.
No início da tarde ainda havia pelo menos 56 pessoas desaparecidas e 3.957 desabrigados. As chuvas atingem o estado desde a segunda-feira (23). A primeira morte foi registrada dois dias depois.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала