Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Após pacote de US$ 40 bilhões à Ucrânia, EUA encomendam US$ 625 milhões à fabricante de armas

© AP Photo / Vadim GhirdaFuzileiros navais dos EUA lançando um míssil Stinger na Romênia
Fuzileiros navais dos EUA lançando um míssil Stinger na Romênia - Sputnik Brasil, 1920, 27.05.2022
Nos siga noTelegram
Os Estados Unidos fizeram uma encomenda à fabricante bélica Raytheon. O pedido consiste em US$ 625 milhões (R$ 2,9 milhões) para a aquisição de sistemas de defesa aérea Stinger, que devem estar prontos em pouco mais de quatro anos, disse o Pentágono em um comunicado à imprensa nesta sexta-feira (27).
A ordem vem enquanto o Pentágono e a indústria de defesa estão lutando para resolver a escassez de Stingers, juntamente com os sistemas anti-blindagem Javelin.
Na semana passada, o Congresso aprovou um projeto de lei com mais de US$ 40 bilhões (R$ 189,7 bilhões) em ajuda de segurança para Kiev, que inclui financiamento para permitir que os militares dos EUA abasteçam Stingers e Javelins que foram fornecidos à Ucrânia.
"A Raytheon Co., Tucson, Arizona, recebeu uma modificação [contratual] de US$ 624.601.212 para a aquisição de mísseis Stinger e equipamentos associados. Os locais de trabalho e o financiamento serão determinados com cada pedido, com data de conclusão estimada em 30 de junho 2026", disse o comunicado.
O vice-presidente da Comissão Europeia, chefe das Relações Exteriores e da Política de Segurança da União Europeia, Josep Borrell, discursa em uma conferência em Madri, Espanha, 20 de abril de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 22.05.2022
Panorama internacional
UE esgotou estoques militares ao ajudar Ucrânia, diz chefe da diplomacia europeia
A Reuters informou anteriormente que o Pentágono iria encomendar mais 1.468 Stingers, mas a entrega estimada pode levar até 30 meses.
No início deste mês, a Raytheon disse que não poderá aumentar a produção para atender aos requisitos de Javelin e Stinger até pelo menos 2024.
Enquanto isso, a secretária do Exército dos EUA, Christine Wormuth, disse ao Congresso que há uma parte obsoleta necessária para construir Stingers e que o governo dos EUA terá que desenvolver uma solução alternativa ou um projeto de próxima geração.
O governo Biden já forneceu à Ucrânia 1.400 sistemas antiaéreos Stinger, juntamente com 5.500 Javelins, desde que a operação militar especial da Rússia começou em fevereiro.
O presidente dos EUA, Joe Biden, em 19 de maio de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 19.05.2022
Panorama internacional
Biden anuncia mais um pacote, de US$ 100 milhões, em ajuda militar para a Ucrânia
No entanto, isso está muito aquém do que a Ucrânia afirmou precisar.
Em março, Kiev solicitou 500 Javelins e 500 Stingers por dia, embora autoridades dos EUA tenham dito que o Pentágono acredita que a Ucrânia está inflando seus requisitos.
Mais cedo, nesta sexta-feira (27), o porta-voz do Pentágono, John Kirby, disse que os EUA estão cientes dos pedidos da Ucrânia por sistemas avançados de foguetes de longo alcance para ajudar suas forças na região de Donbass, mas não comentaria sobre as decisões que ainda precisam ser tomadas.
Da esquerda para a direita: a ministra das Relações Exteriores da Alemanha, Annalena Baerbock, a secretária de Relações Exteriores do Reino Unido, Liz Truss, a ministra das Relações Exteriores do Canadá, Melanie Joly, o chefe das Relações Exteriores e Política de Segurança da União Europeia, Josep Borrell, a subsecretária de Estado do Departamento de Estado dos EUA para Assuntos Políticos, Victoria Nuland, o ministro das Relações Exteriores do Japão, Yoshimasa Hayashi, o ministro das Relações Exteriores da Itália, Luigi Di Maio e o ministro das Relações Exteriores da França, Jean-Yves Le Drian participam da reunião dos Ministros das Relações Exteriores do G7 em Wangels, norte da Alemanha, 13 de maio de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 14.05.2022
Panorama internacional
MRE do G7: 'Continuaremos com ajuda militar à Ucrânia enquanto for necessário'
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала