Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Depósito de munição pega fogo na região de Belgorod, na Rússia; não há registro de feridos

© Sputnik / Anton BergunPlaca rodoviária apontando para Belgorod, na Rússia (à esquerda), e Carcóvia, na Ucrânia (à direita).
Placa rodoviária apontando para Belgorod, na Rússia (à esquerda), e Carcóvia, na Ucrânia (à direita). - Sputnik Brasil, 1920, 26.04.2022
Nos siga noTelegram
O governador russo da região de Belgorod, Vyacheslav Gladkov, disse que um depósito de munição estava em chamas perto da vila de Staraya Nelidovka, nesta terça-feira (26).
Ele acrescentou que não há registro de feridos.
"Acabei de entrar em contato com o chefe do assentamento rural de Golovinskoye, Denis Zolotukhin. De acordo com informações preliminares, um depósito de munição está em chamas perto da vila de Staraya Nelidovka. Não há destruição de edifícios residenciais ou casas. Não há vítimas entre a população civil", anunciou Gladkov.
Horas antes, ele relatou que acordou com sons semelhantes a explosões.
Em 24 de fevereiro, a Rússia lançou uma operação militar especial na Ucrânia após as repúblicas populares de Donetsk (RPD) e Lugansk (RPL) pedirem ajuda para se defender dos ataques das tropas ucranianas.
A região de Belgorod faz fronteira com o leste da Ucrânia, onde está o eixo central da operação especial.
Somente a infraestrutura militar do país está sendo visada pelo Exército da Federação da Rússia.
Moscou disse, em diversas ocasiões, que não mantém planos de ocupar o país ou tampouco de usar armas nucleares no conflito.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала