Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Kiev utilizou chefe da polícia do porto de Kherson para organizar trabalho subversivo (FOTOS)

© SputnikDocumentos das Forças Armadas da Ucrânia deixados na região de Kherson, 11 de março de 2022
Documentos das Forças Armadas da Ucrânia deixados na região de Kherson, 11 de março de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 17.04.2022
Nos siga noTelegram
O Serviço de Segurança da Ucrânia (SBU, na sigla em ucraniano), antes de fugir de Kherson, recrutou membros da defesa territorial local para realizar operações de sabotagem nos territórios libertados na retaguarda das Forças Armadas da Rússia, revelam documentos encontrados no arquivo do serviço.
Esses documentos, que ficaram disponíveis à Sputnik, foram encontrados durante o trabalho com o arquivo de ficheiros pessoais dos serviços secretos ucranianos, que foi descoberto anteriormente no hospital pediátrico de Kherson.

"No decorrer do trabalho com o arquivo, descobrimos o envolvimento do chefe do departamento da polícia no porto de Kherson [...] Maksim Zharkov, veterano do conflito no sudeste da Ucrânia. Durante o processo de investigação foi revelado que Zharkov, seguindo as instruções dos agentes do SBU, recrutou membros da defesa territorial para missões subversivas na retaguarda das tropas russas", disse à Sputnik um funcionário de um departamento de segurança russo.

Além disso, durante a busca no apartamento de Zharkov, os agentes russos acharam um esconderijo com documentos secretos, bem como granadas, fusíveis e estações de rádio, informa o correspondente da Sputnik.
"Os documentos secretos encontrados são datados de 2014, o que aponta à utilização de antigos agentes antigas da polícia nacional da Ucrânia pelos funcionários do SBU a fim de formar grupos terroristas desde 2014", esclareceu o agente da segurança russa.
Na casa do chefe da polícia do porto de Kherson também foram encontradas jaulas para cães, bem como fotos de cães de luta nessas jaulas e meios para tortura de animais, acrescentou ele.
A cidade de Kherson está sob controle das tropas russas desde 24 de fevereiro.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала