Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Trudeau diz que Canadá invocou a lei de emergências para lidar com bloqueios de protestos

© AP Photo / Patrick DoyleO primeiro-ministro do Canadá, Justin Trudeau, participa de uma coletiva de imprensa usando máscara para proteger-se da COVID-19, em meio à pandemia da doença, em 6 de novembro de 2020
O primeiro-ministro do Canadá, Justin Trudeau, participa de uma coletiva de imprensa usando máscara para proteger-se da COVID-19, em meio à pandemia da doença, em 6 de novembro de 2020 - Sputnik Brasil, 1920, 14.02.2022
Nos siga noTelegram
Primeiro-ministro do Canadá, Justin Trudeau invocou poderes usados ​​pela última vez por seu pai, em 1970, para combater os separatistas de Quebec.
Justin Trudeau confirmou na noite desta segunda-feira (14) que o governo federal do Canadá invocou uma legislação de emergência para lidar com bloqueios de protestos do "Freedom Convoy".
O primeiro-ministro canadense havia dito mais cedo que buscaria meios para invocar as leis de segurança pela primeira vez na história do país, dando ao seu gabinete poderes especiais para lidar com uma crise nacional.
A Lei de Emergência permite que o governo federal force as empresas a prestar serviços, e pode exigir o fim dos protestos públicos, além limitar os direitos de mobilidade, impedindo que as pessoas se desloquem para áreas designadas.
© Minas PanagiotakisCaminhoneiros reabastecem seus caminhões no frio durante o protesto "Freedom Convoy" em 5 de fevereiro de 2022 em Ottawa, Canadá
Caminhoneiros reabastecem seus caminhões no frio durante o protesto Freedom Convoy em 5 de fevereiro de 2022 em Ottawa, Canadá - Sputnik Brasil, 1920, 14.02.2022
Caminhoneiros reabastecem seus caminhões no frio durante o protesto "Freedom Convoy" em 5 de fevereiro de 2022 em Ottawa, Canadá. Foto de arquivo
A lei também permite que os militares sejam usados ​​como policiais, mas as fontes do Ottawa Sun disseram que isso não está sendo considerado ativamente.
Trudeau observou que foi a primeira vez que um governo canadense invocou uma lei de emergências, que foi aprovada em 1988 para substituir a Lei de Medidas de Guerra, de 1914.
Essa legislação foi usada durante as duas guerras mundiais para internar canadenses de origem alemã e japonesa e impor restrições sobre a economia, entre outras coisas.
Ela foi invocada mais recentemente em 1970 pelo pai de Trudeau, Pierre, para reprimir os separatistas de Quebec que sequestraram um legislador. Cerca de 500 pessoas foram presas na ocasião.
Ao falar sobre os atos do "Freedom Convoy", que começaram há algumas semanas, Trudeau disse que "este não é um protesto pacífico".
Em seguida, ele explicou que, depois de consultar os primeiros-ministros, o governo e a oposição, "o governo federal invocou a lei de emergências", confirmando os relatos da mídia no início do dia de que ele o faria.
Veículos blindados em uma rua em frente ao Petit Palais, perto da avenida Champs Elysees, em Paris, enquanto motoristas protestam em Paris contra a vacina e as restrições contra a doença do coronavírus (COVID-19) na França, em 11 de fevereiro de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 11.02.2022
Panorama internacional
Para conter caminhoneiros do 'Freedom Convoy', Macron espalha blindados de guerra por Paris (VÍDEOS)
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала