Caça F-35 do Reino Unido cai e piloto se ejeta durante operações de rotina no Mediterrâneo

© AP Photo / Petros KaradjiasAvião de quinta geração F-35 dos EUA no porta-aviões britânico HMS Queen Elizabeth, no mar Mediterrâneo, 20 de junho de 2021
Avião de quinta geração F-35 dos EUA no porta-aviões britânico HMS Queen Elizabeth, no mar Mediterrâneo, 20 de junho de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 17.11.2021
Nos siga noTelegram
Um caça britânico F-35 caiu no mar durante uma operação de rotina no Mediterrâneo. A aeronave fazia parte do porta-aviões da Marinha Real HMS Queen Elizabeth.
O incidente ocorreu às 10h00 GMT (05h00 do horário de Brasília) em águas internacionais e nenhuma outra aeronave estava envolvida.
Segundo o Ministério da Defesa britânico, o piloto foi ejetado e retornou em segurança ao porta-aviões da Marinha Real HMS Queen Elizabeth.
"O piloto foi devolvido em segurança ao navio e uma apuração foi iniciada, então não seria apropriado comentar mais neste momento", disse o ministério citado pela BBC.
De acordo com a mídia, a investigação provavelmente se concentrará em um possível erro técnico ou humano.
Há oito F-35 do Reino Unido no porta-aviões e 12 do Corpo de Fuzileiros Navais dos EUA.
Ao que parece, nenhuma outra embarcação esteve envolvida no incidente e acredita-se que o caça foi destruído após atingir o mar, segundo o Daily Mirror.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала