Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Chefe da OMS elogia promessa dos EUA de apoiar quebra de patentes das vacinas contra COVID-19

© REUTERS / Christopher Black / OMSO diretor-geral da Organização Mundial da Saúde, Tedros Adhanom Ghebreyesus, em foto de 18 de janeiro de 2021, durante coletiva de imprensa em Genebra, na Suíca
O diretor-geral da Organização Mundial da Saúde, Tedros Adhanom Ghebreyesus, em foto de 18 de janeiro de 2021, durante coletiva de imprensa em Genebra, na Suíca - Sputnik Brasil, 1920, 07.05.2021
Nos siga no
O diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Adhanom Ghebreyesus, saudou nesta sexta-feira (7) a promessa dos Estados Unidos de apoiar a suspensão de patentes para vacinas contra o coronavírus.

"O anúncio de quarta-feira (5) por parte dos Estados Unidos de que apoiarão uma renúncia temporária de proteções de propriedade intelectual para as vacinas contra a COVID-19 é uma declaração significativa de solidariedade e apoio para a equidade de vacinas", disse Tedros em entrevista coletiva.

O chefe da Organização Mundial da Saúde disse que essa renúncia "não era uma coisa politicamente fácil de fazer", portanto, a liderança nesse sentido foi muito apreciada.

© REUTERS / Dado RuvicFrascos das vacinas AstraZeneca, Pfizer/Biontech, Johnson & Johnson e Sputnik V contra COVID-19
Chefe da OMS elogia promessa dos EUA de apoiar quebra de patentes das vacinas contra COVID-19 - Sputnik Brasil, 1920, 07.05.2021
Frascos das vacinas AstraZeneca, Pfizer/Biontech, Johnson & Johnson e Sputnik V contra COVID-19

De acordo com ele, as disposições da Organização Mundial do Comércio (OMC) para isenções de propriedade intelectual "foram elaboradas precisamente para uma situação como esta".

"Se não as usarmos agora, quando então?", completou o diretor da OMS.

A administração dos EUA anunciou na última quarta-feira (5) que apoiará suspensão de proteções de propriedade intelectual para as vacinas contra a COVID-19 devido à emergência global desencadeada pela pandemia. No dia seguinte, o presidente da Rússia, Vladimir Putin, também afirmou que o país também pode apoiar a quebra das patentes.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала