'Hipopótamo' pré-histórico foi uma máquina de matar rápida e feroz, diz estudo (FOTO)

© Foto / Pixabay / Hans RohmannEsqueleto de dinossauro
Esqueleto de dinossauro - Sputnik Brasil, 1920, 08.03.2021
Nos siga noTelegram
Anteriormente considerado lento e pesado, o predador anteossauro, de aproximadamente 260 milhões de anos, foi revelado sendo um assassino feroz, após recriarem seu crânio.

Com um crânio gigante, dentes esmagadores e mandíbula poderosa, o anteossauro sem dúvidas foi um réptil pré-mamífero do continente africano há aproximadamente 260 milhões de anos.

O carnívoro feroz tinha um tamanho parecido com o de um hipopótamo ou rinoceronte adulto, com uma cauda grossa de crocodilo, segundo o portal Live Science.

De acordo com um novo estudo, os anteossauros eram rápidos e podiam rastrear e matar sua presa de maneira eficiente.

A espécie pertence ao grupo de cinocéfalos, répteis parecidos com mamíferos que antecedem os dinossauros. Eles prosperaram e morreram há aproximadamente 30 milhões de anos antes da existência do primeiro dinossauro.

O crânio estudado foi encontrado com grandes protuberâncias sobre os olhos e uma grande crista na parte superior do focinho, que, além de longos caninos, fazia com que seu crânio parecesse o de uma criatura feroz.

"Apesar de os anteossauros terem vivido 200 milhões de anos antes do famoso tiranossauro, eles definitivamente não eram uma criatura 'primitiva', e eram uma poderosa máquina de matar pré-histórica", afirmou Julien Benoit, do Instituto de Estudos Evolutivos da Universidade de Witwatersrand.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала