Exército israelense desmantela 2 postos sírios em operação secreta

© AFP 2022 / Thomas CoexSoldados do Exército israelense
Soldados do Exército israelense - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Em uma operação secreta realizada na semana passada e divulgada apenas nesta quarta-feira (14), o Exército israelense cruzou a fronteira entre Israel e Síria para destruir postos sírios.

O Canal 12 de notícias israelense informou que as tropas do país cruzaram a fronteira até a zona desmilitarizada entre Israel e Síria, destruindo dois postos sírios.

Segundo Israel, a operação foi realizada por a Síria seguir violando o acordo de armistício de 1974 entre os dois países, que determina que uma zona de segurança designada entre as fronteiras apenas seria ocupada por uma força especial da Organização das Nações Unidas (ONU), a Força das Nações Unidas de Observação da Separação (UNDOF, na sigla em inglês).

"Não permitiremos que o sul da Síria seja convertido no sul do Líbano", afirmou ao Canal 12 o tenente-coronel Tal Goritzki da Brigada Nahal.

O Exército israelense observou que as forças sírias estão estendendo suas operações na zona de segurança nas Colinas de Golã e que por isso realizou essa operação incomum.

© flickr.com / Israel Defense ForcesExército de Israel (imagem de arquivo)
Exército israelense desmantela 2 postos sírios em operação secreta - Sputnik Brasil
Exército de Israel (imagem de arquivo)

"Conhecemos a colaboração entre o Exército sírio e o Hezbollah. Cada posto militar sírio tem o potencial de se converter em um posto militar duplo", enfatizou o tenente-coronel.

A operação incluiu soldados de infantaria da Brigada Nahal e de engenharia da unidade Yahalom, que cruzaram a fronteira e destruíram os postos sem ser detectados.

O Exército israelense afirma que concentra seus esforços em evitar que o Hezbollah e o Irã estabeleçam posições no lado sírio das Colinas de Golã.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала