Explosões são ouvidas na capital de Nagorno-Karabakh

© Sputnik / Abrir o banco de imagensConsequências do bombardeio de Stepanakert, capital da república não reconhecida de Nagorno-Karabakh (foto de arquivo)
Consequências do bombardeio de Stepanakert, capital da república não reconhecida de Nagorno-Karabakh (foto de arquivo) - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Na noite da quarta-feira (7), diversas explosões foram ouvidas na capital da república não reconhecida de Nagorno-Karabakh, Stepanakert, segundo informou um correspondente da Sputnik.

As explosões ocorreram por volta das 5h00 no horário local (22h00 no horário de Brasília). Em meio às explosões, as autoridades da região acionaram sirenes de alerta de ataque aéreo, que soaram por cerca de 15 minutos. A maioria da população tem preferido passar a noite em porões e abrigos antiaéreos, ainda segundo as informações do correspondente da Sputnik.

Anteriormente, as autoridades da cidade relataram que entre 30% e 40% dos residentes, principalmente mulheres, crianças e idosos, deixaram Stepanakert. Mas moradores das aldeias localizadas na linha de contato, onde o conflito está ocorrendo, se refugiaram na capital.

© REUTERS / Ministério da Defesa da ArmêniaSoldado de etnia armênia dispara uma peça de artilharia durante combate contra forças do Azerbaijão na região de Nagorno-Karabakh
Explosões são ouvidas na capital de Nagorno-Karabakh - Sputnik Brasil
Soldado de etnia armênia dispara uma peça de artilharia durante combate contra forças do Azerbaijão na região de Nagorno-Karabakh

Os conflitos na região de Nagorno-Karabakh começaram em 27 de setembro. Armênia e Azerbaijão se acusam mutuamente de desencadear as hostilidades, que já deixaram centenas de mortos e feridos.

Os líderes da Rússia, dos Estados Unidos e da França pediram aos lados que o conflito seja encerrado e que negociações sejam abertas. A Turquia, por sua vez, tem demonstrado apoio ao Azerbaijão.

A região de Nagorno-Karabakh, de maioria Armênia, anunciou sua secessão da então República Socialista Soviética do Azerbaijão em 1988, o que foi seguido de um confronto armado entre 1992 e 1994, quando o Azerbaijão perdeu o controle de Nagorno-Karabakh. Desde 1992, estão em andamento negociações para uma solução pacífica do conflito.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала