Donald Trump deixa hospital militar após internação por COVID-19

© AP Photo / Evan VucciEm Bethesda, nos EUA, após internação por COVID-19, o presidente norte-americano, Donald Trump, deixa o Centro Médico Militar Nacional Walter Reed em direção à Casa Branca, em 5 de outubro
Em Bethesda, nos EUA, após internação por COVID-19, o presidente norte-americano, Donald Trump, deixa o Centro Médico Militar Nacional Walter Reed em direção à Casa Branca, em 5 de outubro - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Na noite desta segunda-feira (5), o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, voltou para a Casa Branca após deixar o Hospital Militar Nacional Walter Reed, onde estava internado para tratamento contra a COVID-19.

Trump deixou o hospital caminhando e usando uma máscara facial, cerca de 20 minutos depois de usar as redes sociais para dizer que em breve estaria de volta à campanha.

Voltarei em breve para a campanha!!! As Notícias Falsas apenas mostram as Pesquisas Falsas.

​Mais cedo, o diretor de comunicação da campanha de Trump, Tim Murtaugh, afirmou que o presidente, que tenta a reeleição, pretende participar do próximo debate presidencial, agendado para 15 de outubro em Miami, no estado da Flórida. 

© AP Photo / J. Scott ApplewhiteEm Washington, um helicóptero chega à Casa Branca levando o presidente norte-americano, Donald Trump, após deixar hospital militar em que Trump foi internado para tratamento contra a COVID-19
Donald Trump deixa hospital militar após internação por COVID-19 - Sputnik Brasil
Em Washington, um helicóptero chega à Casa Branca levando o presidente norte-americano, Donald Trump, após deixar hospital militar em que Trump foi internado para tratamento contra a COVID-19

Trump e a primeira-dama, Melania Trump, anunciaram que testaram positivo para a COVID-19 na sexta-feira (2). No mesmo dia, presidente foi encaminhado para o hospital militar após problemas respiratórios. Trump chegou a necessitar de oxigênio suplementar, porém ao longo dos dias seguintes seu quadro melhorou o suficiente para que ele pudesse voltar à Casa Branca, conforme apontou a equipe médica do presidente mais cedo, nesta segunda-feira (5).

O anúncio de que Trump contraiu a COVID-19 vem a poucas semanas das eleições presidenciais no país. A pandemia da COVID-19 tem sido um dos principais temas da disputa eleitoral entre Trump e o candidato democrata, Joe Biden. Os EUA, segundo os dados da Universidade Johns Hopkins, são o país mais atingido pela pandemia da COVID-19, com mais de 7,4 milhões de casos registrados e mais de 210 mil mortes causadas pela doença.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала