Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

COVID-19: Rússia receberá 1,6 milhão de unidades de roupas de proteção da China

© Sputnik / Maxim Bogodvid / Abrir o banco de imagensTuristas vindos da China, epicentro do coronavírus, chegam em aeroporto em Kazan, na Rússia.
Turistas vindos da China, epicentro do coronavírus, chegam em aeroporto em Kazan, na Rússia.  - Sputnik Brasil
Nos siga no
Até o final do mês de abril, a Rússia receberá 1,6 milhão de unidades de equipamentos de proteção individual da China.

A informação foi divulgada neste domingo (19) pelo ministro da Indústria e Comércio da Rússia, Denis Manturov.

"Nós fechamos o fornecimento com nossos amigos da China e mais de 300 mil unidades de roupas de proteção já foram enviadas e, antes do final do mês, receberemos cerca de 1,6 milhão de unidades", disse Manturov em entrevista na televisão.

O ministro russo também afirmou no dia 7 de abril que havia escassez desse tipo de equipamento na Rússia. Segundo Manturov, à época eram necessário cerca de 300 mil unidades para suprir a demanda no país. No dia 5 de abril, o Ministério Indústria e Comércio da Rússia já havia anunciado que a China enviaria 80 milhões de máscaras à Rússia.

Até o momento a Rússia registra um total de 42.853 casos confirmados do novo coronavírus. O país também teve 361 mortes causadas pela COVID-19. A China, por sua vez, o primeiro país a registrar casos da doença, registra 83.805 casos e 4.636 mortes.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала