Boris Johnson é internado para exames devido a sintomas persistentes da COVID-19

© AP Photo / Matt DunhamBoris Johnson, primeiro-ministro britânico, gesticula durante coletiva de imprensa sobre a pandemia da COVID-19
Boris Johnson, primeiro-ministro britânico, gesticula durante coletiva de imprensa sobre a pandemia da COVID-19 - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O primeiro-ministro do Reino Unido, Boris Johnson, foi internado em um hospital para exames após continuar tendo sintomas persistentes da COVID-19, disse a assessoria da Downing Street neste domingo (5).

Boris Johnson já havia testado positivo para a doença do novo coronavírus (COVID-19) e estava isolado em Downing Street, residência oficial do primeiro-ministro britânico, havia dez dias.

"Por conselho de seu médico, o primeiro-ministro foi internado hoje para exames no hospital. Esta é uma medida de precaução, pois o primeiro-ministro continua a ter sintomas persistentes de coronavírus dez dias após o teste positivo para o vírus", disse o comunicado.

Na sexta-feira (3), Johnson disse que ainda tinha sintomas do novo coronavírus e precisava permanecer em quarentena.

Desde o início do surto de COVID-19, o Departamento de Assistência Social do Reino Unido confirmou 47.806 casos da doença e o número de mortos é de 4.934. Outras 621 mortes foram relatadas neste domingo pelas autoridades locais de saúde.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала