Erdogan convoca turcos a 'deixarem o dólar' em ato de patriotismo

© REUTERS / Dylan MartinezManifestante com bandeira da Turquia em frente ao consulado turco em Roterdã
Manifestante com bandeira da Turquia em frente ao consulado turco em Roterdã - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Desde meados de 2018, a Turquia encara alarmantes desafios econômicos, com a lira turca se desvalorizando após sucessivos aumentos da taxa de juros da Reserva Federal dos Estados Unidos e tensões com os aliados da OTAN.

O presidente turco, Recep Tayyip Erdogan, convocou os turcos a converterem suas reservas estrangeiras para a lira turca, pedindo que "deixem o dólar".

"Deixem o dólar e todo o resto. Vamos nos focar na nossa moeda, a lira turca. A lira turca não perde mais valor. Vamos mostrar nosso patriotismo dessa forma", declarou Erdogan.

Erdogan acrescentou que a Turquia planeja ter seu próprio caça, produzido localmente, em um período de cinco a seis anos.

Em 2019, a lira turca se desvalorizou novamente, perdendo 10% de seu valor, à medida que o governo turco adiou reformas econômicas em meio ao crescente descontentamento político dentro do país. No ano anterior, a moeda turca colapsou devido a tensões geopolíticas e à deterioração das relações com os Estados Unidos.

Em meados de setembro de 2018, o Banco Central turco aumentou a taxa de juros em 625 pontos de base para 24% ao ano, o que ajudou a fortalecer a lira turca.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала