Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

EUA afirmam que Irã é responsável por conflito recente entre Israel e Palestina

© AP Photo / Alex BrandonSecretá de Estado americano, Mike Pompeo, falando sobre o Irã
Secretá de Estado americano, Mike Pompeo, falando sobre o Irã - Sputnik Brasil
Nos siga no
O secretário de Estado dos EUA, Mike Pompeo, acusou o Irã de estar por trás dos recentes ataques com foguetes contra Israel na Faixa de Gaza.

O recente confronto de dois dias entre Israel e o grupo Jihad Islâmica terminou com 34 palestinos mortos, incluindo o líder da Jihad Islâmica, Baha Abu al-Ata, e sua esposa. Cerca de 450 foguetes foram disparados de Gaza, sem vítimas registradas.

"O Irã usa seu representante terrorista palestino Jihad Islâmica para atingir nosso grande aliado Israel. O Irã não quer paz na região. Não quer que o povo palestino prospere. Quer mais conflito. Até abordarmos as ameaças do Irã, o ciclo de violência continuará. O caminho a seguir é claro: pressão continuada até o Irã negociar um acordo abrangente que inclua a suspensão de seu apoio a grupos terroristas como a Jihad Islâmica. Nações em todo o mundo não podem mais alegar querer paz na região, mas permitir que as ameaças do Irã não sejam contestadas", disse Pompeo. 

A violência entre Israel e Palestina foi interrompida na quinta-feira, quando os dois lados concordaram com um cessar-fogo. O primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, classificou a operação, batizada de "Faixa Preta", como um sucesso e afirmou que o objetivo foi alcançado — o assassinato de Baha Abu al-Ata.

O grupo Jihad Islâmica é considerado terrorista por diversos países e há suspeita de que ele seja financiado pelo Irã e pela Síria, além de ter laços estreitos com o Hezbollah.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала