Trump: possível guerra com Irã 'não vai durar muito'

© AP Photo / Alex BrandonTrump mostra a ordem executiva assinada que aumenta sanções contra o Irã, 24 de junho
Trump mostra a ordem executiva assinada que aumenta sanções contra o Irã, 24 de junho - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Donald Trump disse que as autoridades iranianas “não são inteligentes”, acrescentando que os EUA não querem uma guerra com o Irã, mas um conflito militar não vai durar muito se ocorrer.

"Não acredito que sua liderança seja inteligente. O Irã está indo por água abaixo", disse Trump em uma entrevista à Fox Business Network.

Além disso, Trump expressou a esperança que Washington não entraria em uma guerra com Teerã, mas disse que tal conflito "não vai durar muito".

"Espero que não [tenhamos um conflito armado com o Irã], mas nos encontramos em uma posição muito forte se alguma coisa ocorrer", revelou ele.

O presidente estadunidense sublinhou que não vai enviar tropas adicionais ao Oriente Médio, mesmo em caso de ocorrer um conflito armado.

Agravamento da tensão

Em 24 de junho, Washington informou que aplicou novas sanções ao líder supremo do Irã, aiatolá Ali Khamenei, e "aos que estão estreitamente associados a ele" pelo "comportamento hostil" de Teerã para com os Estados Unidos.

Isso ocorreu após a derrubada de um drone de reconhecimento dos EUA pelos militares iranianos em 20 de junho, quando o Corpo de Guardiões da Revolução Islâmica (IRGC) afirmou ter derrubado um drone Northrop Grumman RQ-4 Global Hawk dos EUA que teria invadido seu espaço aéreo na província de Hormozgan, perto do estreito de Ormuz.

O Departamento de Defesa dos Estados Unidos, por sua vez, insiste que o veículo aéreo não-tripulado não estava em território iraniano, mas em águas internacionais quando foi derrubado.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала