NASA encontra prováveis sinais de vida em Marte

© NASA . NASA/JPL-Caltech/MSSSSelfie tirada pela sonda Curiosity da NASA em "Rock Hall", em Marte
Selfie tirada pela sonda Curiosity da NASA em Rock Hall, em Marte - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A sonda espacial da NASA Curiosity detectou altos níveis de emissão de metano na superfície de Marte, o que pode indicar a existência de vida no Planeta Vermelho, apontou a edição New York Times.

De acordo com a edição, as informações foram obtidas por especialistas da agência espacial nesta semana. Os cientistas solicitaram à Curiosity dados adicionais para levar a cabo novas investigações a fim de confirmar as observações. Prevê-se que os novos dados sejam entregues na segunda-feira (24).

A edição destacou que o gás pode ter sido emitido recentemente, já que na atmosfera fina de Marte as moléculas de metano se decomporiam em poucos séculos devido à  luz do Sol e na sequência de reações químicas.

© NASAMarte (imagem de arquivo)
NASA encontra prováveis sinais de vida em Marte - Sputnik Brasil
Marte (imagem de arquivo)

Os investigadores também não descartam que o gás detectado possa ter permanecido no interior do planeta durante milhões de anos, e agora estar saindo através de fendas.

Na Terra, o metano, o produto final do metabolismo, é produzido por bactérias, denominadas metanogênicas, que habitam em grandes quantidades nos locais que carecem de oxigênio: debaixo do solo e no trato gastrointestinal dos animais. Além disso, o metano surge na sequência de reações geotermais, que não estão ligadas aos processos biológicos.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала