Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Moscou: EUA acusam Rússia de violar proibição de testes nucleares para desviar atenção

© AP Photo / Alex BrandonMala com códigos nucleares do assistente militar do presidente norte-americano
Mala com códigos nucleares do assistente militar do presidente norte-americano - Sputnik Brasil
Nos siga no
Os Estados Unidos tentam desviar a atenção de sua política destrutiva em relação ao Tratado de Proibição Completa de Testes Nucleares (CTBT), acusando a Rússia de violar a proibição de testes nucleares, disse à Sputnik nesta quarta-feira o Representante Permanente da Rússia para Organizações Internacionais em Viena, Mikhail Ulyanov.

O diretor da Agência de Inteligência de Defesa dos EUA, tenente-general Robert Ashley, disse nesta quarta-feira que os Estados Unidos acreditam que a Rússia pode não estar respeitando a moratória dos testes nucleares. Durante um fórum sobre controle de armamentos realizado no Hudson Institute, em Washington, o oficial norte-americano afirmou que a Rússia estaria desenvolvendo secretamente o seu potencial nuclear.

"Parece mais uma cortina de fumaça e uma tentativa de desviar a atenção da linha destrutiva dos Estados Unidos em relação ao CTBT", disse Ulyanov.

Teste nuclear - Sputnik Brasil
EUA acreditam que Rússia tem 'secretamente' desenvolvido seu potencial nuclear
O diplomata russo também declarou que os EUA estariam mantendo seus polígonos prontos para uma possível retomada dos testes nucleares.

Negociado na década de 1990, o Tratado de Proibição Completa de Testes Nucleares (CTBT) conta com amplo apoio global, mas deve ser ratificado por mais oito Estados de tecnologia nuclear — entre eles Israel, Irã, Egito e Estados Unidos — para entrar em vigor.

A Rússia ratificou o tratado em 2000.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала