Sri Lanka quer parceria com os EUA no combate ao terrorismo

© REUTERS / Dinuka LiyanawatteMilitares de Sri Lanka (imagem referencial)
Militares de Sri Lanka (imagem referencial) - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O governo do Sri Lanka quer ampliar a cooperação com os Estados Unidos para prevenir futuros ataques no país, afirmou nesta quinta-feira (16) o porta-voz do Departamento de Estado dos EUA, Morgan Ortagus. A declaração foi dada após uma reunião do secretário de Estado Mike Pompeo com seu o chanceler do Sri Lanka, Tilak Marapana.

"O secretário de Estado reiterou a condenação dos Estados Unidos aos ataques que o Sri Lanka sofreu no mês passado, que também matou cinco norte-americanos, e o forte apoio dos EUA ao Sri Lanka em sua luta contra o terrorismo", afirmou Ortagus através de um comunicado. Segundo ele, a chancelaria do Sri Lanka apoiou a aproximação.

Militares do Sri Lanka ficam de guarda em frente ao Santuário de Santo Antônio, igreja de Kochchikade, após uma explosão em Colombo, Sri Lanka, 21 de abril de 2019 - Sputnik Brasil
Após ataques, Sri Lanka bloqueia redes sociais
O Sri Lanka foi alvo 8 ataques a bomba no dia 21 de abril. Os ataques deixaram mais de 300 mortos. O Daesh* reivindicou a responsabilidade pelos ataques.

As autoridades locais afirmam que mataram ou prenderam todos os suspeitos pelos atentados.

* O Daesh é um grupo terrorista banido do território da Rússia.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала