Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Justiça peruana determina prisão do ex-presidente Pablo Kuczynski

© AP Photo / Martin MejiaO presidente do Peru, Pedro Pablo Kuczynski, entra à Catedral de Lima junto com um oficial militar durante ato em homenagem ao Dia da Independência em 28 de julho de 2017
O presidente do Peru, Pedro Pablo Kuczynski, entra à Catedral de Lima junto com um oficial militar durante ato em homenagem ao Dia da Independência em 28 de julho de 2017 - Sputnik Brasil
Nos siga no
O Poder Judiciário peruano decretou nesta sexta-feira a prisão preventiva do ex-presidente Pablo Kuczynski (PPK), que governou o país entre 2016 e 2018.

Kuczynski deverá ficar pelo menos 36 meses na prisão, por supostos crimes de lavagem de dinheiro em processo ligado à construtora brasileira Odebrecht.

​"Terceiro Juizado de Investigação Preparatória Nacional Permanente Especializado em Delitos de Corrupção de Funcionários ordena 36 meses de prisão preventiva para o ex-Presidente Pablo Kuczynski, investigado por lavagem de ativos com agravante de pertencer a organização criminosa."

Kuczynski é acusado de ter recebido propina no valor de US$ 20 milhões da Odebrecht, acusação que ele desmente, alegando ser alvo de perseguição política.

​"[O tribunal] também emite uma aparição restringida para os co-réus do ex-mandatário neste caso, Gloria Kisic Wagner e José Luis Bernaola Ñufflo."

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала