Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Tribunal sul-coreano declara ilegal a proibição do aborto após 66 anos em vigor

Nos siga no
O Tribunal Constitucional da Coreia do Sul decretou nesta quinta-feira que a proibição do aborto no código legal do país durante os últimos 66 anos é inconstitucional, conforme relatou a agência de notícias Yonhap.

A corte ordenou autorizar o aborto nas primeiras etapas da gravidez, incumbindo o parlamento de revisar a atual legislação para se adequar à nova determinação. 

"Tribunal Constitucional decide contra proibição do aborto após 66 anos."

O painel de nove juízes proferiu a decisão em uma votação de 7 a 2, em resposta a uma queixa de 2017 apresentada por um obstetra levado a julgamento por realizar vários abortos. Os magistrados consideraram injusto dar mais peso ao valor de proteger a vida do feto, quando isso viola os direitos da mulher.

A lei em vigor sobre o aborto na República da Coreia data de 1953, mas, desde 1973, foram autorizadas exceções em casos de estupro, incesto, ameaça à vida da mulher ou de determinadas doenças hereditárias.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала