- Sputnik Brasil
Notícias do Brasil
Notícias sobre política, economia e sociedade do Brasil. Entrevistas e análises de especialistas sobre assuntos que importam ao país.

10 militares envolvidos em fuzilamento no RJ são presos; porta-voz de Bolsonaro comenta

© Foto / Tomaz Silva/Agência BrasilExército faz operação na favela Nova Holanda, no Complexo da Maré, zona norte do Rio de Janeiro.
Exército faz operação na favela Nova Holanda, no Complexo da Maré, zona norte do Rio de Janeiro. - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O Comando Militar do Leste anunciou nesta segunda-feira (8) que 10 dos 12 militares que participaram da ação que metralhou e matou Evaldo Rosa dos Santos, de 51 anos, foram afastados e presos em flagrante.

No domingo, os militares atiraram 80 vezes contra o carro do músico Evaldo Rosa dos Santos. A esposa da Evaldo, seu filho, uma afiliada e o seu sogro, Sérgio Gonçalves de Araújo, estavam no veículo. Sérgio foi ferido por um tiro. Eles estavam a caminho de um chá de bebê.

Segundo o Comando Militar do Leste, houve uma "inconsistências dos fatos reportados". No domingo, o Exército havia afirmado que os militares reagiram a "injusta agressão".

Polícia Militar no Rio de Janeiro durante operação no bairro de Santa Teresa, 8 de fevereiro de 2019 - Sputnik Brasil
Notícias do Brasil
O suicídio e a farda: o silencioso sofrimento dos policiais no Brasil (VÍDEO)
Os envolvidos que participaram da ação serão julgados pela justiça militar. Desde 2017, militares que cometem crimes no exercício da função não são mais julgados pela justiça comum. A mudança ocorreu após o então presidente Michel Temer sancionar a lei 13.491.

A esposa de Evaldo, Luciana dos Santos Nogueira, disse que os militares não ajudaram no socorro do músico e "ficaram de deboche".

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) não comentou o caso. Já o porta-voz do Palácio do Planalto, Otávio do Rêgo Barros, falou sobre o assunto:

"Ele [Bolsonaro] não comentou, mas confia na Justiça Militar, nos esclarecimentos que o Exército dará por meio do inquérito e espera que eventos de igual similitude não venham a ocorrer." 

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала