Leão ataca e mata menina no Quênia

Nos siga noTelegram
Uma menina de 14 anos foi atacada e morta por um leão enquanto outro casal sofreu ferimentos graves quando o animal invadiu um vilarejo no Quênia na noite de quinta-feira (4).

A menina era uma aluna da Escola Primária de Marasi, [Quênia] e foi atacada pelo animal quando estava regressando a casa do centro comercial de Maungu por volta das 20 horas de quinta-feira passada.

As autoridades informaram que um casal também sofreu ferimentos graves e foi internado no hospital quando o mesmo leão invadiu a casa deles.
Segundo uma testemunha, o animal entrou em casa e andou pelos quartos em busca de pessoas.

Leão (imagem de arquivo) - Sputnik Brasil
Caçador teria sido pisoteado por elefante e devorado por leões na África do Sul (FOTOS)
De acordo com o guarda florestal da Área Protegida do Parque de Tsavo, Salim Zainabu, o animal atacou a menina perto de um bebedouro.

Após a investida, o felino fugiu para os arbustos. "O leão começou a atacar os habitantes e o pessoal da reserva florestal", disse o guarda citado pelo Standard Digital.

Salim Zainabu informou que os Serviços de Vida Selvagem do Quênia [KWS na sigla em inglês] foram obrigados a matar o leão após várias tentativas de trazê-lo de volta ao parque terem falhado.

O ataque aconteceu em uma altura em que o Governo está a realizar o censo de leões no ecossistema de Tsavo.

O incidente causou o pânico entre os habitantes da aldeia, que têm enfrentado muitas invasões de animais selvagens ultimamente, especialmente de leões e elefantes.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала