Conselho de Segurança da ONU exige fim das operações militares na Líbia

© Sputnik / Andrei Stenin  / Abrir o banco de imagensPrimavera Árabe protesta em Benghazi, Líbia
Primavera Árabe protesta em Benghazi, Líbia - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O Conselho de Segurança da ONU pediu que as partes no conflito na Líbia interrompam as atividades militares no contexto de uma nova escalada de tensão no país africano.

"Os membros do Conselho de Segurança expressaram sua profunda preocupação com as operações militares próximas a Trípoli que ameaçam a estabilidade na Líbia e minam as perspectivas de mediação da ONU e solução política abrangente para a crise", afirmou o atual presidente do Conselho de Segurança, o embaixador alemão Christoph Heusgen. 

Tropas líbias lutando contra terroristas - Sputnik Brasil
Exército Nacional da Líbia está controlando alguns bairros perto da capital do país
"[O Conselho de Segurança] pediu que o Exército Nacional Líbio cesse todas as operações militares, assim como exortou todas as forças para conseguir diminuir a escalada de tensão e interromper a atividade militar", acrescentou Heusgen após a realização de consultas sobre a situação na Líbia nesta sexta-feira.

O diplomata alemão ressaltou que o conflito na Líbia "não tem solução militar" e alertou que aqueles que provocam o agravamento da crise terão que se responsabilizar por isso.

"Pedimos a todas as partes que continuem o diálogo e cumpram suas obrigações de colaborar construtivamente com a ONU para avançar o processo político" na Líbia, acrescentmpletou Heusgen.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала