Robôs devem realizar mais da metade de todo trabalho em 2025

© AP Photo / GERARD JULIENHomem tentando tocar mão robótica na Conferência Internacional de Robôs Humanoides em Madri (foto de arquivo)
Homem tentando tocar mão robótica na Conferência Internacional de Robôs Humanoides em Madri (foto de arquivo) - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Segundo especialista, os robôs podem assumir, em breve, a maior parte do trabalho realizado em todo o mundo.

A maior parte do trabalho hoje em dia ainda é realizado por humanos (71%), contra 29% do trabalho realizado por robôs. Até 2025, no entanto, esse indicador pode mudar para 48% e 52%, respectivamente, disse à Sputnik a especialista em trabalho e doutora em economia Irina Perova.

Robô (imagem referencial) - Sputnik Brasil
Rebelião de robôs no futuro? Projeto que visa tratar robôs sexuais como humanos falha
Segundo a especialista, uma grande parte da produção do trabalho deverá ser garantida por novas tecnologias, que "já fazem parte da nossa vida". Segundo ela, nos próximos cinco anos, o desenvolvimento das tecnologias robóticas e das inteligências artificiais possibilitarão a criação de novas 58 milhões de vagas de trabalho para os nossos filhos de lata e silício.

"Atualmente, as consequências negativas da robotização são atenuadas pelo ritmo relativamente baixo de integração dos robôs. Hoje, a maior parte do tempo de trabalho ainda é executada por forças humanas (71%). Já as máquinas são responsáveis por outros 29%. Até 2025, esse indicador pode mudar pra 48% e 52%, respectivamente. As máquinas realizarão a maior parte do trabalho", alertou Perova.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала