Ivanka lembra povo alemão que ele 'tem mais em comum com os EUA do que com a Rússia'

© AP Photo / Ed Jones/Pool Ivanka Trump, filha do presidente dos EUA, Donald Trump, assiste a competição masculina de snowboard Big Air nos Jogos Olímpicos de Inverno de 2018 em Pyeongchang, Coreia do Sul (arquivo)
Ivanka Trump, filha do presidente dos EUA, Donald Trump, assiste a competição masculina de snowboard Big Air nos Jogos Olímpicos de Inverno de 2018 em Pyeongchang, Coreia do Sul (arquivo) - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A filha do presidente dos Estados Unidos e assessora da Casa Branca, Ivanka Trump participou da Conferência de Segurança de Munique e de vários eventos, incluindo um jantar com a chanceler alemã, Angela Merkel. Na Europa, ela assumiu novamente o papel de defensora do pai, que é visto de forma crítica por líderes da UE.

Ivanka Trump discutiu o ponto de vista dela em questões relativas a política externa e as relações entre Berlim e Washington. Quando questionada pelo jornal Bild sobre muitos alemães que preferem hoje confiar mais no presidente russo, Vladimir Putin, que no pai dela, Ivanka pediu o povo não se deixasse dividir por “aqueles com uma agenda política”.

“Eu acho que os alemães entendem que eles têm muito mais em comum com os EUA do que com a Rússia. Concordamos com a liberdade individual, o Estado de direito e a importância da igualdade de oportunidades econômicas. Não devemos permitir que aqueles com uma agenda política tentem nos dividir”, disse ela.

Ivanka Trump, a filha do presidente Donald Trump, em cerimônia no Jardim das Rosas da Casa Branca em Washington (arquivo) - Sputnik Brasil
Mídia: Ivanka Trump pode ser a nova presidente do Banco Mundial
Ela também respondeu a reportagens na imprensa alemã em tom crítico ao presidente Trump, dizendo que "reconhecemos a importância crítica de trabalhar com nossos parceiros para alcançar a estabilidade global e estamos comprometidos com esse objetivo".

“Tenho muito orgulho do meu pai e do que ele conquistou como presidente dos Estados Unidos. Este governo implementou reformas significativas para tornar a América mais segura, mais forte e mais próspera. A economia dos Estados Unidos está crescendo ”, disse ela.

Ivanka participou de um jantar conjunto com palestrantes e convidados de alto nível, incluindo a chanceler alemã Angela Merkel. Ela também foi convidada a a falar em painéis e reuniões ao lado de grandes autoridades com a ministra das Forças Armadas Francesas, Florence Parly, a ministra alemã da Defesa, Ursula von der Leyen e a chefe do Fundo Monetário Internacional (FMI), Christine Lagarde.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала