Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Venezuela anuncia criação de grupo de países para defender direitos estabelecidos pela ONU

© REUTERS / Andrew KellyJorge Arreaza, ministro das Relações Exteriores da Venezuela
Jorge Arreaza, ministro das Relações Exteriores da Venezuela - Sputnik Brasil
Nos siga no
O ministro das Relações Exteriores da Venezuela, Jorge Arreaza, anunciou nesta quinta-feira a criação de um bloco de países para defender os direitos estabelecidos na Carta das Nações Unidas, impedindo assim uma possível intervenção estrangeira em assuntos internos do país sul-americano.

" O chanceler Jorge Arreaza declara da ONU. Anuncia iniciativa diplomática de países das Nações Unidas para defender os direitos dos povos de coexistir sob os princípios do direito internacional", escreveu o serviço de imprensa da chancelaria venezuelana: 

​Em discurso na sede das Nações Unidas, em Nova York, Arreaza destacou que esse grupo de trabalho em questão, formado por 14 países — incluindo Rússia, China, Cuba, Irã, Síria, Nicarágua e Palestina —, defenderá princípios como o respeito aos direitos iguais e autodeterminação dos povos, soberania dos Estados e resolução de conflitos através de meios pacíficos, abdicando de ameaças à paz e à segurança internacional.

De acordo com o ministro, caso a soberania venezuelana não seja respeitada, o governo do presidente Nicolás Maduro fará o possível para defender o território nacional e responder de maneira proporcional a tentativas de ataques ou interferência. 

"A Venezuela é um país soberano. Protegeremos cada milímetro de território venezuelano aéreo, marítimo e terrestre. Nossa resposta será proporcional a qualquer tipo de ataque ou ingerência."

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала