Polônia assume patrulhamento aéreo no Báltico

© AP Photo / Czarek SokolowskiHelicóptero Airbus Tiger em Varsóvia, Polônia.
Helicóptero Airbus Tiger em Varsóvia, Polônia. - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A Polônia assumiu a missão da OTAN de proteger o espaço aéreo no Báltico em substituição à Bélgica, de acordo com um comunicado publicado no site da Aliança Atlântica.

A cerimônia de transferência da missão à Força Aérea polonesa foi realizada nesta quinta-feira na base aérea da Lituânia, em Siauliai.

Soldados poloneses e norte-americanos durante exercícios conjuntos Anakonda 16 perto de Torun, Polônia, junho de 2016 - Sputnik Brasil
Ex-presidente polonês considera inútil implantação de base militar americana na Polônia

A Polônia liderará a missão da OTAN durante os primeiros quatro meses de 2019.

Além de aeronaves polonesas na missão participarão de caças alemães Eurofighter, posicionados na base aérea de Amari, na Estônia.

Os países do Báltico não têm aviões que sirvam para realizar missões de patrulhamento aéreo. Assim, desde abril de 2004, após a entrada deles na OTAN, a proteção do espaço aéreo está a cargo dos países do bloco militar.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала