UE desenvolve medidas temporárias para caso de um Brexit sem acordo

© Sputnik / Alexei Filippov / Abrir o banco de imagensTorre do Big Ben
Torre do Big Ben - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A Comissão Europeia apresentou medidas de prazo limitado para manutenção das conexões aéreas entre União Europeia e Grã-Bretanha, em caso de um Brexit sem acordo, informou o órgão.

A Grã-Bretanha deve deixar a União Europeia em 29 de março de 2019. Em outubro, o governo britânico e UE, após meses de negociações, chegaram ao texto de um acordo com as condições da saída do bloco.

Soldados da 7ª Brigada Blindada Britânica que retornaram do serviço em operações no Iraque marcham em frente ao Big Ben em Londres (Arquivo) - Sputnik Brasil
Milhares de tropas britânicas estão de prontidão em caso de Brexit sem acordo
Mais cedo, em dezembro, as autoridades britânicas anunciaram, no entanto, o início das tratativas para preparar um eventual Brexit sem um acordo com UE. Por isso, a Associação Internacional de Transportes Aéreos (IATA) convidou os Estados e as companhias aéreas a desenvolver planos de emergência para o Brexit. Segundo o vice-presidente da IATA, Brexit pode ter uma influência negativa sobre o transporte de pessoas ao redor do mundo.

"A Comissão Europeia adotou duas medidas hoje, que evitarão uma total paralisação do tráfego aéreo entre a UE e o Reino Unido em caso da falta de um acordo", informou um comunicado da organização.

Entre as medidas, está a prorrogação por mais nove meses de alguns tipos de licença de segurança aérea, acrescentou a nota.

Apesar disso, as medidas propostas não são uma cópia e são mais limitadas, do que as condições oferecidas para os Estados-membros, acrescentou a Comissão Europeia.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала