Homem é detido nos EUA após dizer a crianças que papai noel não é real

© REUTERS / Rafael MarchanteCrianças vestidas de Papai Noel durante a parada tradicional de caridade em Lisboa
Crianças vestidas de Papai Noel durante a parada tradicional de caridade em Lisboa - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A polícia disse que um manifestante de 31 anos foi detido após invadir uma igreja no norte do Texas, nos EUA, e dizer a crianças que o papai noel não é real.

Aaron Urbanski foi preso neste sábado (8) depois que as autoridades foram chamadas a uma igreja em Cleburne, que estava hospedando um café da manhã com papai noel.

O presidente dos EUA, Donald Trump, fala ao lado do secretário de Estado, Rex Tillerson, durante uma reunião bilateral com o presidente da China, Xi Jinping, na propriedade de Trump, Mar-a-Lago, em Palm Beach, Flórida. - Sputnik Brasil
'Idiota como uma rocha': Trump responde às críticas do ex-secretário Tillerson
A polícia diz que encontrou três pessoas manifestantes fora da igreja depois de responder a uma queixa de invasão de propriedade.

As autoridades dizem que Urbanski se recusou a sair e continuou causando distúrbios. Urbanski, que foi acusado de invasão criminosa, foi levado ao Centro de Repressão Legal da Comarca de Johnson.

O prefeito de Cleburne, Scott Cain, comentou no Facebook: "Não brinque com o Papai Noel!".

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала