Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Especialista revela detalhes sobre novíssimos drones militares russos

© Sputnik / Ekaterina NenakhovaVeículo aéreo não tripulado Korsar participa do ensaio geral da 73ª Parada da Vitória, em 6 de maio de 2018, na Praça Vermelha
Veículo aéreo não tripulado Korsar participa do ensaio geral da 73ª Parada da Vitória, em 6 de maio de 2018, na Praça Vermelha - Sputnik Brasil
Nos siga no
As Forças Terrestres da Rússia podem receber em breve vários veículos não tripulados de ataque, informou à Sputnik o especialista em aviação não tripulada Denis Fedutinov.

Ele comentou assim a declaração do coronel-general Oleg Salyukov das Forças Terrestres, que anunciou o desenvolvimento no país de drones de ataque destinados a estas tropas, que serão aplicados onde é impossível usar outro armamento. 

"É provável que a experiência da operação síria, durante a qual se verificou uma tendência de uso de drones armados baratos de pequeno porte, tenha influência no processo de desenvolvimentos desses sistemas em nosso país, principalmente para serem usados pelas Forças Terrestres. Ao mesmo tempo, alguns deles talvez sejam 'drones kamikaze' de uso único. Esse trabalho pode ser feito em poucos meses", disse Fedutinov.

Segundo ele, o veículo não tripulado Korsar pode ser equipado com armamento. 

"Pode-se discutir o que exatamente o Korsar pode portar, mas é óbvio que esse drone não realizará apenas missões de reconhecimento. Suponho que esta tarefa possa ser concluída dentro de um ano", disse o especialista.

Veículo aéreo não tripulado ZALA 421-10 desenvolvido pelo consórcio russo Kalashnikov - Sputnik Brasil
Kalashnikov desenvolve drone capaz de pousar na água (FOTOS)
Além disso, ele observou que a empresa russa de aviação civil UWCA está desenvolvendo uma versão russa do drone israelense Forpost. No lugar dos modelos importados, os drones russos dessa dimensão também podem receber, além de dispositivos de reconhecimento, alguns meios de ataque.

Fedutinov lembrou que há alguns anos houve a separação de áreas de responsabilidade: a Força Aérea da Rússia possuía apenas drones pesados, enquanto os sistemas aéreos não tripulados até à classe tática foram destinados às Forças Terrestres.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала