Sob sanções, Irã se diz satisfeito com novo acordo da OPEP

© AFP 2022 / Ryad KaramdiOPEP quer reduzir produção de petróleo
OPEP quer reduzir produção de petróleo - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O Irã declarou que está satisfeito com a cooperação atingida entre os Estados participantes no acordo de corte na produção de petróleo, ratificado entre a Organização dos Países Exportadores de Petróleo (OPEP) e alguns participantes externos, afirmou neste domingo (23) o representante do Irã na OPEP, Hossein Kazempour Ardebili.

"Estamos satisfeitos com a cooperação com a OPEP e alguns produtores externos. Claro que somos grandes produtores e devemos permanecer lá [no acordo]", disse ele a repórteres depois de participar da reunião do Comitê Ministerial Conjunto de Monitoramento (JMMC, na sigla em inglês) da OPEP, realizada em Argel, capital da Argélia.

Aiatolá Ali Khamenei fala em Teerã, Irã (arquivo) - Sputnik Brasil
Oficial nega terrorismo em Ahvaz e Irã exige explicações dos Emirados Árabes Unidos
A afirmação veio em resposta a questionamentos sobre a disponibilidade do Irã em permanecer no acordo de Viena.

Ele ainda acrescentou que após o fim do acordo entre a OPEP e outros países não membros terminasse em 2018, que o país espera chegar a um novo acordo em formato semelhante.

O representante do Irã na OPEP enfatizou que o país continuará a exportar petróleo, apesar das tentativas EUA de dificultar o comércio iraniano com outros países, ao impor novamente sanções econômicas contra o Irã.

Em maio, os EUA reintroduziram sanções sobre o Irã depois que Washington retirou-se do Plano Conjunto de Ação Integral (JCPOA), o acordo nuclear iraniano.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала