Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

São divulgadas FOTOS da criação do primeiro míssil balístico soviético

© Foto / JSC "RSS"Testes do primeiro míssil balístico soviético R-1
Testes do primeiro míssil balístico soviético R-1 - Sputnik Brasil
Nos siga no
O consórcio Sistemas Espaciais da Rússia (RKS, sigla em russo), que faz parte da corporação estatal Roscosmos, divulgou fotos únicas da criação do primeiro míssil balístico de grande alcance R-1, testado há 70 anos, comunicou a assessoria de imprensa do mesmo.

As fotos dos elementos do sistema autônomo de controle do míssil foram tiradas por especialistas do instituto de pesquisas NII-885 (antecessor do RKS) e recolhidas em um álbum em 1950. Até a data, o álbum permaneceu inacessível para o público em geral.

© Foto / JSC "RSS"Equipamento de lançamento do R-1.
Equipamento de lançamento do R-1 - Sputnik Brasil
1/3
Equipamento de lançamento do R-1.
© Foto / JSC "RSS"Foto dos elementos do sistema autônomo de controle do míssil R-1.
Foto dos elementos do sistema autônomo de controle do míssil R-1 - Sputnik Brasil
2/3
Foto dos elementos do sistema autônomo de controle do míssil R-1.
© Foto / JSC "RSS"Compartimento de controle.
Compartimento de controle - Sputnik Brasil
3/3
Compartimento de controle.
1/3
Equipamento de lançamento do R-1.
2/3
Foto dos elementos do sistema autônomo de controle do míssil R-1.
3/3
Compartimento de controle.

Nota-se que o R-1 era um análogo do míssil alemão V-2, que os especialistas soviéticos, inclusive os do instituto, estudaram depois da guerra. No dia 13 de maio de 1946, as autoridades soviéticas deram início ao surgimento da indústria espacial e de mísseis.

O sistema de controle autônomo do R-1 foi resultado da análise do análogo alemão pelos engenheiros soviéticos. Eles estudaram e reproduziram completamente o sistema de controle do V-2. Depois, com base nele, os engenheiros soviéticos elaboraram seu próprio sistema com utilização de materiais e elementos nacionais.

Caça Yak-141 de decolagem vertical - Sputnik Brasil
Rússia está desenvolvendo novo caça de decolagem vertical
O míssil possuía um sistema de circuito único, isto é, durante o voo somente podia ser controlada a posição angular do eixo do míssil e o desligamento dos motores. A pontaria era efetuada conforme as tabelas de lançamento contra um alvo com coordenadas previamente conhecidas. Toda a informação necessária para controlar o movimento era obtida por giroscópios e acelerômetros.

A assessoria de imprensa detalhou que durante a produção dos elementos do sistema de controle autônomo os engenheiros tiveram que superar várias dificuldades de caráter técnico, bem como levar em conta a ausência na URSS da necessária base de componentes.

Assim, a fabricação de vários componentes foi iniciada especialmente para este projeto simultaneamente com os testes dos primeiros protótipos do míssil.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала