Terroristas da Frente Nusra em Idlib rejeitam dissolução exigida por Ancara

© flickr.com / coolloudTerroristas da frente Nusra (arquivo)
Terroristas da frente Nusra (arquivo) - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Militantes da Frente Nusra rejeitaram a exigência da Turquia pela dissolução das unidades do grupo terrorista na província de Idlib, no noroeste da Síria, segundo o jornal sírio Al-Watan.

A evolução veio depois que Ancara exigiu que os militantes da Frente Nusra se juntassem ao chamado "Exército Sírio do Norte", que está sendo formado pelos militares turcos.

Soldados do Exército sírio (foto de arquivo) - Sputnik Brasil
Vitória em Idlib acabará com guerra na Síria, diz fonte de alto escalão no exército
Além disso, a Turquia pediu aos terroristas estrangeiros que voltassem aos países de onde chegaram e se renderem às agências policiais de lá.

O Al-Watan informou que Ancara também planeja usar a recém-criada Frente Nacional de Libertação, composta de vários grupos rebeldes, para expulsar os terroristas de Idlib.

Na semana passada, o presidente sírio, Bashar Assad, estimou que a província de Idlib era o lar de "dezenas de milhares de terroristas", destacando que a província está entre as áreas de maior prioridade para as operações militares sírias.

A declaração veio depois que uma fonte disse à Sputnik que o Exército sírio estava enviando equipamento militar e munição para as fronteiras da província de Idlib e se preparando para uma operação em grande escala para limpar a área de terroristas.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала