Mídia americana se assusta com submarino russo que carrega torpedo 'apocalíptico'

© Foto / JSCo «PO «Sevmash»Submarino diesel-elétrico russo B-90 Sarov
Submarino diesel-elétrico russo B-90 Sarov - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A revista norte-americana Popular Mechanics publicou um artigo mostrando "todo o poderio da frota submarina russa", incluindo um submarino especialmente "assustador".

O artigo afirma que a frota russa "tem qualidade", possuindo 72 submarinos, entre eles submarinos nucleares, embarcações submarinas dotadas de mísseis de cruzeiro e aparelhos únicos para operações especiais.

Caça F15 aterrisa na base aérea de  Keflavik na Islândia (foto de arquivo) - Sputnik Brasil
EUA reabrem base área da época da Guerra Fria para 'vigiar submarinos russos'
A Popular Mechanics sublinha que a Rússia tem uma frota bastante grande de submarinos destinados a missões especiais, onde se destacam "duas enormes naves-mães", baseadas nos submarinos Delta III (projeto 667BDR Klalmar na classificação russa) e Delta IV (667 BDRM Delfin) desenhados para transportar minissubmarinos de imersão em águas profundas.

A edição coloca um foco especial no submarino "assustador" B-90 Sarov, que, segundo o artigo, é uma plataforma de testes para o novo torpedo nuclear "apocalíptico" Status-6.

"O Status-6 é desenvolvido para atacar alvos costeiras (portos e cidades) com uma ogiva nuclear gigantesca de 100 megatoneladas de TNT. O torpedo é capaz de ultrapassar a defesa antimíssil dos EUA, destruindo regiões costeiras inteiras com uma explosão nuclear, tsunamis, tornando a área inabitável devido a uma precipitação nuclear de longa duração", diz-se no artigo.

B-90 Sarov é um submarino diesel-elétrico de testes russo, o único do projeto 20120. Foi criado com base na estrutura do submarino do projeto Sargan, tendo saído ao mar em dezembro de 2007.

Anteriormente, a mídia ocidental já escreveu sobre o sistema Status-6, batizando o torpedo como a "arma do Juízo Final" e comparando sua potência ao tsunami ocorrido após o terramoto no Japão em março de 2011.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала