Cientista político: mísseis S-300 na Síria alarmam Israel

© Sputnik / Pavel Lisitsyn / Abrir o banco de imagensSistemas antiaéreos russos S-300 durante o ensaio do desfile militar em Ekaterinburgo (foto de arquivo)
Sistemas antiaéreos russos S-300 durante o ensaio do desfile militar em Ekaterinburgo (foto de arquivo) - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O cientista político sírio Humeidi Abdallah disse à Sputnik Árabe que um possível fornecimento de sistemas antiaéreos S-300 à Síria preocupa muito Israel.

O ministro da Defesa israelense, Avigdor Lieberman, já declarou na entrevista ao portal local Ynet que Israel vai retaliar se a Síria usar contra o seu país os sistemas antiaéreos que venha a receber da Rússia.

Sistemas de mísseis antiaéreos S-300 - Sputnik Brasil
Fonte militar: 'Tropas sírias não têm sistema antiaéreo russo S-300'
"O fator israelense influencia muito o cumprimento desse acordo. Tel Aviv vai tentar frustrar ou adiar o cumprimento do acordo. Os S-300 na Síria vão afetar o balanço de forças em toda a região, inclusive o conflito árabe-israelense e a situação nas colinas de Golã ocupadas. No entanto, Damasco está pronto a pagar todas as contas necessárias, não economiza dinheiro com a segurança", declarou o cientista político sírio.

Para o especialista, a proteção do território sírio dos ataques aéreos dos agressores corresponde aos interesses de Moscou e Damasco. Se os países ocidentais, bem como Israel, continuarem a atacar Damasco, em breve Moscou vai enviar novos sistemas antiaéreos ao seu parceiro, opina Humeidi Abdallah.

Aviões da Força Aeroespacial da Rússia na base de Hmeymim, Síria - Sputnik Brasil
Estão preparando provocação de grande escala na Síria, alerta analista
Mais cedo, a mídia comunicou que a Rússia pode começar a entregar à Síria complexos S-300 Favorit para criar um sistema escalonado de defesa antiaérea.

No Kremlin se recusaram a comentar a possibilidade de tais fornecimentos. Por sua vez, segundo declarou o chanceler russo, Sergei Lavrov, a questão da entrega dos sistemas S-300 à Síria ainda não está resolvida, sendo necessário esperar pelas decisões de Moscou e Damasco.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала