Moscou: ataque contra Síria no momento em que país ganhou chance de futuro pacífico

© Sputnik / Vladimir Astapkovich / Abrir o banco de imagensMaria Zakharova, representante oficial do Ministério das Relações Exteriores russo, durante uma coletiva de imprensa em Yalta em 15 de setembro de 2017
Maria Zakharova, representante oficial do Ministério das Relações Exteriores russo, durante uma coletiva de imprensa em Yalta em 15 de setembro de 2017 - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Os EUA e seus aliados atacaram Síria justamente no momento em que o país vislumbrava uma chance de um futuro pacífico, declarou a representante oficial do ministério das Relações Exteriores da Rússia, Maria Zakharova, em sua página no Facebook.

"Por trás disso estão aqueles que pretendem uma liderança moral neste mundo e que declaram a sua excepcionalidade", disse a diplomata.

"Realmente, é preciso ser excepcional para, no momento em que a Síria ganhou uma chance de um futuro pacífico, bombardear a sua capital", afirmou Zakharova.

Presidente dos EUA, Donald Trump, discursa em Ohio, em 29 de março de 2018 - Sputnik Brasil
Trump ordenou ataques aéreos contra Síria
A representante russa também culpou a imprensa ocidental pelos ataques.

"Casa Branca declarou estar certa dos ataques químicos provocado por Damasco com base na 'imprensa, notícias sobre sintomas, vídeos e fotos, bem como em informação confiável'", escreveu ela.

"Depois dessa declaração, toda a imprensa americana e ocidental deve compreender a sua responsabilidade no que aconteceu", destacou a funcionária do governo russo. 

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала