Putin: apesar do mundo cada vez mais caótico Rússia está comprometida com segurança global

© Sputnik / Aleksei Druzhinin / Abrir o banco de imagensO presidente recém-eleito da Rússia, Vladimir Putin, entra em um dos salões do Kremlin no início da cerimônia de tomada de posse, em 7 de maio de 2012
O presidente recém-eleito da Rússia, Vladimir Putin, entra em um dos salões do Kremlin no início da cerimônia de tomada de posse, em 7 de maio de 2012 - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O presidente da Rússia, Vladimir Putin, durante a cerimônia de entrega das credenciais pelos embaixadores estrangeiros no Kremlin, disse que a situação está cada vez mais caótica no mundo todo, mas garantiu que a Rússia está comprometida com a segurança global e regional.

"A real situação no mundo não pode deixar de suscitar preocupação. A situação no mundo está ficando cada vez mais caótica. Apesar disso, esperamos que o bom senso, no final das contas, prevaleça e que as relações internacionais retornem ao para um caminho construtivo. Que todo o sistema internacional se torne mais estável e previsível", disse Putin.

A Rússia, do seu lado, continua comprometida com a segurança e a estabilidade global, assegurou o mandatário russo.

"Quanto à Rússia, [o país] seguirá se manifestando pelo fortalecimento da segurança global e regional e pela estabilidade", afirmou.

Presidente dos EUA, Donald Trump, discursa em Ohio, em 29 de março de 2018 - Sputnik Brasil
Trump prediz novo ataque contra Síria: 'Rússia, prepare-se'
O presidente destacou que a Rússia respeitará de forma integral os seus compromissos internacionais e pretende conduzir a cooperação com seus parceiros em uma base construtiva, de respeito e fundamentada nas normas do direito internacional e no estatuto da ONU.

"Vamos promover uma agenda internacional positiva e voltada para o futuro. Vamos trabalhar com objetivo de garantir um desenvolvimento sustentável, o bem-estar e prosperidade da humanidade", concluiu Vladimir Putin.

No dia 11 de abril, o presidente da Rússia, Vladimir Putin, recebeu as credenciais de 17 embaixadores. Entre os presentes, estavam os chefes das missões diplomáticas da Itália, Áustria, Cuba, Arábia Saudita, Emirados Árabes Unidos, Nigéria, Jordânia, Coreia do Sul, Egito, entre outros.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала