'Há muitos traidores': âncora de TV turca incita violência em Istambul

Nos siga noTelegram
O jornalista já foi demitido e a polícia está iniciando uma investigação sobre o assunto. O âncora trabalhava em um dos canais da televisão governamental da Turquia.

"Se matássemos civis, começaríamos por Cihangir, Nisantasi e Etiler, há muitos traidores lá. E também o parlamento turco", afirmou o âncora do canal de televisão, Ahmet Keser.

O comentário de Ahmet Keser, apresentador da Akit TV, que desdenhou dos relatos de vítimas civis em Afrin, enfureceu tanto os críticos da oposição como também os oficiais do partido que está no poder. Na medida que o jornalista negava as acusações, ele ressaltou que, se o país matasse civis, começaria pelos  bairros seculares de Istambul, onde viviam "muitos traidores".

Combatentes pró-Turquia e tropas turcas na colina que separa Afrin da cidade turca de Azaz - Sputnik Brasil
Turquia: Resolução do Conselho de Segurança sobre Síria não se aplica à operação em Afrin
Cihangir, Nisantasi e Etiler são três bairros de Istambul habitados principalmente por pessoas seculares e que preferem um estilo de vida europeu.

O porta-voz do Partido da Justiça e Desenvolvimento (AKP), Mahir Unal, classificou o comentário como inaceitável e inexplicável e criticou o apresentador por tentar dividir o país. Segundo ele, a polícia lançou uma investigação sobre o que Mahir Unal chamou de "provocação calva".

Funcionários da Akit TV já declararam que as palavras de Ahmet Keser não foram aprovadas pela mídia e que ele já deixou seu cargo.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала