Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para
 - Sputnik Brasil
Notícias do Brasil
Notícias sobre política, economia e sociedade do Brasil. Entrevistas e análises de especialistas sobre assuntos que importam ao país.

Carnaval: Paraíso do Tuiuti pergunta se a escravidão acabou no Brasil e brilha na Sapucaí

© Sputnik/Paula MagalhãesParaíso do Tuiuti passou pela Sapucaí para recontar a história da escravidão no Brasil
Paraíso do Tuiuti passou pela Sapucaí para recontar a história da escravidão no Brasil - Sputnik Brasil
Nos siga no
Com o samba-enredo "Meu Deus, Meu Deus, Está Extinta a Escravidão?", a Paraíso do Tuiuti fez um dos desfiles mais marcantes do Carnaval de 2018 no Rio de Janeiro.

A escola de samba de São Cristóvão relembrou o histórico da escravidão no Brasil, a Lei Áurea e chegou até o momento político atual, com críticas à reforma trabalhista do presidente Michel Temer — que foi retratado como vampiro em um dos carros.

"Eu sou um vampiro que representa o presidente da República", disse à agência de notícias AFP o professor de história Leo Morais, de 39 anos, enquanto era maquiado.

​"As escolas de samba têm uma função social", disse. "Elas representam as pessoas comuns".

A Sputnik Brasil acompanhou os desfiles na Marquês de Sapucaí e notou o desconforto nas áreas mais nobres do sambódromo durante o desfile da Paraíso do Tuiuti. Já nas arquibancadas, o clima era outro com cantoria e dança. 

© Sputnik/ Cris DiasO historiador Leo Dias representando Michel Temer.
O historiador Leo Dias representando Michel Temer. - Sputnik Brasil
1/4
O historiador Leo Dias representando Michel Temer.
© Sputnik/ Solon NetoA escola de samba também fez críticas ao momento político atual.
A escola de samba também fez críticas ao momento político atual. - Sputnik Brasil
2/4
A escola de samba também fez críticas ao momento político atual.
© Sputnik/Paula MagalhãesA reforma trabalhista do presidente Michel Temer também foi comentada pelo desfile.
A reforma trabalhista do presidente Michel Temer também foi comentada pelo desfile. - Sputnik Brasil
3/4
A reforma trabalhista do presidente Michel Temer também foi comentada pelo desfile.
© Sputnik/Cris GomesParaíso do Tuiuti: a escola de São Cristóvão recontou a história da escravidão no Brasil, criticou o racismo e as dificuldades dos trabalhadores brasileiros.
Paraíso do Tuiuti passou pela Sapucaí para recontar a história da escravidão no Brasil - Sputnik Brasil
4/4
Paraíso do Tuiuti: a escola de São Cristóvão recontou a história da escravidão no Brasil, criticou o racismo e as dificuldades dos trabalhadores brasileiros.
1/4
O historiador Leo Dias representando Michel Temer.
2/4
A escola de samba também fez críticas ao momento político atual.
3/4
A reforma trabalhista do presidente Michel Temer também foi comentada pelo desfile.
4/4
Paraíso do Tuiuti: a escola de São Cristóvão recontou a história da escravidão no Brasil, criticou o racismo e as dificuldades dos trabalhadores brasileiros.

Confira a íntegra do desfile:

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала